sábado, 25 de julho de 2009

Vale Festejar

As últimas pesquisas sobre intenções de voto indicam o que, na atual conjuntura, parece obvio – a enorme rejeição do eleitorado ao nome de Roseana Sarney Murad numa possível candidatura ao Governo nas eleições do ano que vem.

Desponta como vencedor, se as eleições fossem hoje, o Governador cassado Jackson Lago. O terceiro nome, o Deputado Flavio Dino, inserido na sondagem, aparece com bom desempenho na capital.

Por conta disso, Roseana Sarney Murad, segundo o Patury da Veja, estaria disposta a não disputar o Governo. O que equivaleria a deixar o desafio de enfrentar Jackson com o Ministro Edison Lobão.

Pesquisa sobre intenção de voto, como estamos cansados de saber, é como fotografia, é apenas o registro de um momento. E política, como lecionava Magalhães Pinto, é como nuvem. Cada hora em que você olha está de um jeito. Ou seja, muda muito de forma e de lugar.

4 comentários:

A Velha Debaixo da Cama disse...

Muito bom seu comentário. Como sempre o sr. de forma prática e didática, passa para nós, leitores, os bastidores da nossa política e do nosso Estado.
Agradeço ter um conterrâneo com a sua história!
Parabéns pelo blog!

Andre disse...

Acredito que é possível que a oposição eleja também os dois próximos senadores do Maranhão! é esperar para ver!

parabéns pelo blog

Anônimo disse...

Olá Ministro Vidigal:

O "Boizinho" já dançou! Coitado do "Miolo" do Boizinho!
Minha há muito tempo falecida avó criou um porco desde bacurim, bem alimentado com lavagem e outras "guloseimas porcais" dos tempos passados, incluindo as porcarias que a meninada deixava cair de cima da árvore. O porquinho, tal o Boizinho, fazia uma festa. Ele foi engordando, engordando e engordando. Engordou tanto que nem levantava mais para comer a lavagem, tampouco as porcarias que os meninos faziam de cima da árvore. Meu avô resolveu matar o suíno. Pesava uns 120 Kg, mas só foi aproveitada uma banda. O bicho foi morto, sangrado, limpo com o toucinho lavado com caco de telha. Aberto, tiradas as vísceras, a fussura e a cabeça. Quando meu avô, com a ajuda de dois homens virou o bicho, foi só para jogar fora o que estava no chão. Deu cupim! Assim parece ser com o Boizinho. Será que deu cupim no "Miolo"? Abraços.

Anônimo disse...

Maria Beatriz ocupou por dois anos cargo de confiança no gabinete da presidência do STJ (Superior Tribunal de Justiça). Ainda cursando direito, recebia mais de R$ 6 mil por mês.....

Maria Beatriz foi nomeada pelo então presidente do STJ, Edson Vidigal!!!!!


Vidigal incluiu Maria Beatriz em homenagem a servidores com "elevado espírito público, competência, presteza e iniciativa".

ESSE É O TEU BRASIL....